Práticas de Governança Corporativa

Práticas de Governança Corporativa

Assembléias de Acionistas

A Assembleia Geral dos acionistas reunir-se-á, ordinariamente, dentro dos 4 (quatro) primeiros meses do ano, para os fins previstos na legislação aplicável e, extraordinariamente, sempre que necessário, e será convocada com antecedência mínima de 15 (quinze) dias, observadas em sua convocação, instalação e deliberações as prescrições legais pertinentes.  A Assembleia Geral, ordinária ou extraordinária, será presidida por um acionista eleito pela Assembleia Geral, dentre os presentes, que escolherá um ou mais secretários.

Conselho de Administração

O Conselho de Administração da Companhia será composto por 9 (nove) membros efetivos, dentre os quais um será o Presidente e outro, o Vice-Presidente. Os membros do Conselho de Administração serão eleitos e destituíveis a qualquer tempo pela Assembleia Geral, para mandato unificado de 2 (dois) anos, permitidas, no máximo, 3 (três) reconduções consecutivas, observados os requisitos e vedações estabelecidos na legislação e regulamentação aplicáveis.

O Conselho de Administração reunir-se-á, ordinariamente, na forma do seu Regimento Interno, ao menos uma vez a cada mês, para analisar os resultados da Companhia e de suas subsidiárias integrais, controladas e coligadas, além de deliberar sobre as demais matérias incluídas na ordem do dia e, extraordinariamente, por convocação do seu Presidente, do seu Vice-Presidente, de um terço de seus membros ou quando solicitado pela Diretoria Executiva.

As atribuições do Conselho de Administração estão disponíveis no Estatuto Social da Companhia.

Comitê de Auditoria

O Comitê de Auditoria é órgão independente, com dotação orçamentária própria, de caráter consultivo e permanente, com o objetivo de assessoramento do Conselho de Administração, ao qual se reportará, cabendo-lhe, ainda, exercer as demais atividades que a legislação aplicável lhe atribuir.

O Comitê de Auditoria será composto por 4 (quatro) membros, em sua maioria independentes, indicados e eleitos pelo Conselho de Administração, na primeira reunião que se realizar após a Assembleia Geral Ordinária, para mandato de 3 (três) anos, não coincidentes, sendo permitida 1 (uma) reeleição.

É conferido ao Comitê de Auditoria autonomia operacional para conduzir ou determinar a realização de consultas, avaliações e investigações dentro do escopo de suas atividades, inclusive com a contratação e utilização de especialistas externos independentes.

As atribuições do Comitê de Auditoria estão disponíveis no Estatuto Social da Companhia.

Diretoria Executiva

A Diretoria Executiva será constituída por 7 (sete) Diretores, acionistas ou não, residentes no País, eleitos pelo Conselho de Administração para mandato de 2 (dois) anos, observados os requisitos da legislação e regulamentação aplicáveis, sendo permitida, no máximo, 3 (três) reconduções consecutivas.

Os Diretores permanecerão em seus cargos até que seus sucessores, devidamente eleitos, sejam empossados.

Os Diretores exercerão seus cargos em regime de tempo e de dedicação integral ao serviço da Companhia, sendo permitido o exercício concomitante e não remunerado em cargos de administração de subsidiárias integrais, controladas e coligadas da Companhia, a critério do Conselho de Administração, competindo-lhes, porém, obrigatoriamente, o exercício dos cargos correspondentes nas Subsidiárias Integrais Cemig Distribuição S.A. e Cemig Geração e Transmissão S.A.

A Diretoria Executiva reunir-se-á, ordinariamente, pelo menos 2 (duas) vezes por mês e, extraordinariamente, sempre que convocada pelo Diretor-Presidente ou por 2 (dois) Diretores, mediante aviso por escrito, correspondência eletrônica ou outro meio digital com antecedência mínima de 2 (dois) dias, o qual, entretanto, será dispensado no caso de estarem presentes todos os Diretores. As deliberações da Diretoria Executiva serão adotadas pelo voto da maioria de seus membros, cabendo ao Diretor-Presidente o voto de qualidade, em caso de empate.
Compete à Diretoria Executiva a gestão corrente dos negócios da Companhia, obedecidos a Estratégia de Longo Prazo, o Plano de Negócios Plurianual e o Orçamento Anual, elaborados e aprovados de acordo com este Estatuto Social.

As atribuições de cada membro da Diretoria Executiva estão disponíveis no Estatuto Social da Companhia.

Conselho Fiscal

O Conselho Fiscal funcionará de modo permanente e será composto de 5 (cinco) membros efetivos e respectivos suplentes, os quais serão eleitos para mandato de 2 (dois) anos, quando da Assembleia Geral.

As atribuições do Conselho Fiscal estão disponíveis no Estatuto Social da Companhia.

Nível 1 de Governança Corporativa

Clique para baixar o contrato de adesão.

Lei Sarbanes-Oxley

Desde 2006, a CEMIG vem se certificando anualmente quanto à adequação do sistema de controles internos relacionados com a elaboração dos relatórios financeiros e com os procedimentos de divulgação das informações e fatos relevantes da Companhia. A avaliação desses controles é feita tanto pela administração quanto pelos auditores independentes, atendendo às exigências da SEC – Security and Exchange Commission, agência federal norte-americana autorizada a emitir regulamentos e a fazer cumprir as determinações e providências emanadas do mercado de capitais norte-americano.

O processo de certificação do sistema de controles internos relacionados com a elaboração dos relatórios financeiros e procedimentos de divulgação contempla a avaliação dos principais riscos e dos respectivos controles, visando proporcionar uma segurança razoável de que as demonstrações financeiras da Companhia e de suas subsidiárias foram registradas, processadas e divulgadas de acordo com as normas, prazos e formatação estipulados pela SEC.

Este trabalho proporciona a revisão dos principais processos de negócio e a validação da operação e do desenho dos controles internos relacionados com a elaboração dos relatórios financeiros e com os procedimentos de divulgação das informações e fatos relevantes da Companhia. Constatamos que os controles internos adotados pela Companhia mostraram-se eficazes, o que possibilitou à Administração da Companhia emitir um relatório conclusivo sobre a eficácia dos controles internos.

Conselho de Consumidores

O Conselho de Consumidores da Cemig é composto de 6 (seis) membros titulares e 6 (seis) suplentes indicados por entidades representativas de classes de consumidores e defesa de Consumidores (Procon).

Seu principal objetivo é representar os interesses coletivos dos consumidores e promover sua defesa, encaminhando sugestões, cooperando na fiscalização e provendo denúncias e reclamações junto a Cemig.

Informações mais detalhadas sobre o Conselho de Consumidores, pode ser acessada através do link:

https://www.cemig.com.br/conselho-de-consumidores/

 

 

 

Declaração de Princípios Éticos e Código de Conduta Profissional

O Conselho de Administração da CEMIG aprovou a Declaração de Princípios Éticos e Código de Conduta Profissional com os objetivos de aprimorar o sistema interno de governança corporativa e incrementar a transparência.
Seus principais objetivos são:

  • Orientar e disciplinar a atuação de empregados, gerentes, administradores (membros do Conselho de Administração e Diretores) e membros do Conselho Fiscal da CEMIG;
  • Servir de referência para a verificação de conformidade em relação ao cumprimento deste Código;
  • Orientar o Comitê de Ética da CEMIG na avaliação e deliberação sobre possíveis descumprimentos e em relação à necessidade de revisões desse Código.

Aplica-se, também, a contratados e prestadores de serviço.

Para ter acesso a mais informações sobre a Declaração de Princípios Éticos e Código de Conduta Profissional, basta acessar o link:

https://www.cemig.com.br/etica/

Comissão de Ética da Cemig

Para coordenar nossas ações, sob as orientações da Declaração de Princípios Éticos e Código de Conduta Profissional da Cemig, foi criada uma comissão, formada por membros nomeados pela Diretoria Executiva.

Ademais, todos os nossos colaboradores, no ato da posse do cargo ou no momento da celebração do contrato de trabalho, prestam compromisso solene e declaram conhecer, observar e acatar os valores e princípios constantes na Declaração de Princípios Éticos e Código de Conduta Profissional da Cemig. Este compromisso é renovado anualmente.

Informações mais detalhadas sobre a Comissão de Ética da Cemig, podem ser acessadas através do link:

https://www.cemig.com.br/etica/

Canal de Denúncias da Cemig

Desde 2006 a Cemig disponibiliza, a toda sua força de trabalho, um Canal de Denúncias com o objetivo de receber consultas e denúncias, anônimas ou identificadas, sobre temas éticos vinculados à Empresa.

Canal de Denúncias da Cemig é o meio pelo qual você também pode fazer relatos de natureza ética que possam estar relacionados a infrações à legislação vigente, às normas internas ou que contrariem os preceitos da Declaração de Princípios Éticos e Código de Conduta Profissional da Cemig.

Ao identificar ou suspeitar de qualquer irregularidade, você pode fazer um relato acessando o site do Canal de Denúncias da Cemig ou pelo telefone 0800 800 9393. A ligação é gratuita e o atendimento é realizado 24 horas por dia, sete dias por semana.

Saiba mais a respeito do Canal de Denúncias da Cemig, clicando no link abaixo.

https://www.cemig.com.br/etica/

Auditor Independente

Atualmente, o auditor independente da Companhia é a Ernst & Young Auditores Independentes S.S., responsável pela auditoria de nossas demonstrações financeiras de 31 de dezembro de 2020. Ela foi selecionada em decorrência do processo licitatório aprovado pelo Conselho de Administração, na forma do art. 17, alínea “i”, do Estatuto Social e conforme as normas da Lei 8.666, de 21 de junho de 1993, coordenado pela Diretoria de Finanças, Participações e de Relações com os Investidores, aprovado pela Diretoria colegiada e submetido à aprovação pelo Conselho de Administração.

Última atualização em 10 de junho de 2021
Close